IX Jornadas do FCL-Rio / XXIII Jornadas de FCCL-Rio: "O Cartel, a Escola e a psicanálise em ato"

INSTRUÇÕES PARA O ENVIO DE RESUMO E PROPOSTA DE TRABALHO:


Os interessados em apresentar trabalho deverão preencher ambas as folhas abaixo seguindo exatamente suas instruções, fazendo-as chegar acompanhadas de comprovante da inscrição do autor da proposta, para o e-mail: jornadasdecarteisfclrio2021@gmail.com, até dia 02 de novembro de 2021.


1- PREENCHA A FOLHA DE ROSTO DA PROPOSTA DE TRABALHO:​ Título do trabalho proposto Nome do (s) autor (es) da proposta Nome do Cartel no qual surgiu o trabalho: Nomes dos membros do Cartel e do + 1: E-mail e número do celular do (s) autor (es) da proposta:

2- PREENCHA A SEGUNDA PÁGINA DA PROPOSTA DE TRABALHO: - Argumento da Proposta contendo a contextualização do tema e objetivo do trabalho. - Resumo em arquivo formato Word, Fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento de 1,5, com no máximo 1.500 caracteres.

Além das produções relativas ao tema de cada cartel, a Comissão Científica propõe os temas:

O Cartel e a política da Psicanálise O Cartel como órgão de base da Escola Cartel, Passe e Garantia O mal-estar na formação e na dissolução do Cartel A transferência de trabalho Psicanálise em intenção e extensão O ato analítico Produção dos Cartéis: formalização e percurso Dispositivos de Escola, gradus e pertencimentos Cartéis interdisciplinares Cartéis internacionais e plurilinguísticos

Os Produtos de Cartéis da EPFCL – Brasil são bem-vindos! O resultado da seleção dos Resumos será divulgado até o dia 08 de novembro e os autores cujos textos tiverem sido selecionados terão até 20 de novembro para enviar para o e-mail jornadasdecarteisfclrio2021@gmail.com a versão definitiva do trabalho. Só serão aceitos os trabalhos com no máximo 6.000 caracteres. A versão final deverá estar acompanhada também das folhas de rosto e do Resumo.


Comissão Científica: Consuelo Pereira de Almeida Elizabeth Rocha Miranda Georgina Cerquise Geisa Freitas Sheila Abramovitch




a escola: 

 

"O termo Escola deve ser tomado no sentido em que queria dizer em certos lugares refúgio, ou bases de operação contra o que já se podia chamar de mal-estar na civilização."

 

Jacques Lacan